9 mulheres poderosas da moda brasileira

Poderosas, influentes e desbravadoras, essas mulheres são símbolos de força no setor da moda. Estão no topo da pirâmide em suas respectivas áreas, e exemplificam o que é ser bem-sucedida. Aproveite e se inspire nos seus exemplos e trajetórias:

Adriana Bozon

Diretora de branding do grupo InBrands

Com mais de 20 anos de experiência na Ellus, marca que completou 45 anos em 2017, Adriana Bozon (@adrianabozon) é uma das grandes responsáveis pela identidade urbana, rocker e transgressora da grife. Hoje, é diretora de branding do grupo InBrands, o conglomerado que, além da Ellus, é gestor de marcas como Bobstore, Richards, Salinas e VR.

Há mais de 20 anos na Ellus, Adriana Bozon é hoje diretora de branding do grupo InBrands

Ana Isabel Carvalho Pinto

Diretora de Planejamento Estratégico do grupo Icomm, formado por Shop2gether e o OQVestir

Paulistana (@aicarvalhopinto), é a mulher à frente do planejamento do grupo que comanda os e-commerces Shop2Gether, de perfil de luxo, e OQVestir, com preços mais acessíveis, que faturaram R$ 160 milhões em 2017.

Ana Isabel Carvalho Pinto é diretora de Planejamento Estratégico do grupo Icomm

Camila Coutinho

Blogueira de moda

Camila Coutinho (@camilacoutinho) começou o blog Garotas Estúpidas em 2006, quando ainda era estudante de moda. De lá para cá, a pernambucana se consolidou como uma das principais blogueiras e digital influencers do Brasil, acumulando mais de 2,3 milhões de seguidores no Instagram. Com uma linguagem acessível e bem-humorada, Camila ficou conhecida por falar tanto das marcas de luxo quanto das redes de fast fashion em suas postagens.

Em 2017, ela entrou para a lista das 500 pessoas mais influentes da moda em todo o mundo, publicada pelo Business of Fashion, um dos portais mais importantes da indústria.

 Costanza Pascolato

Empresária e consultora de moda

Verdadeiro ícone da moda brasileira, Costanza Pascolato (@costanzapascolato2g) é um dos nomes mais queridos e influentes da indústria. A empresária e consultora de moda, que veio da Itália para o Brasil aos cinco anos, assumiu em 1987 o comando da Santaconstancia, tecelagem fundada por seus pais na década de 1940. Até hoje, a empresa é uma das maiores do ramo têxtil, e fornece tecidos para alguns dos maiores estilistas do país.

Aos 78 anos de idade, Costanza tem 519 mil seguidores no Instagram, assina uma coluna na revista Vogue e mantém também um blog veiculado ao e-commerce Shop2gether. Além disso, ela também tem 3 livros publicados.

Daniela Falcão

CEO da Edições Globo Condé Nast

Na moda contemporânea brasileira, a jornalista Daniela Falcão (@danielafalcao1) é uma verdadeira força a ser reconhecida. Exigente, obstinada e workaholic, Daniela ocupou o posto de diretora de redação da Vogue Brasil por 10 anos. Hoje atua como CEO da EGCN e tem sob seu guarda-chuva as revistas VogueGlamourGQCasa Vogue e Cidade Jardim. Em breve, sua história virará um documentário sob a direção da também jornalista, Maria Prata.

Daniela Falcão é CEO da Edições Globo Condé Nast

Flávia Bittencourt

Diretora-geral da Sephora Brasil

Flávia dirige a Sephora Brasil há três anos e, desde novembro de 2016, assumiu também o cargo de vice-presidente sênior da América Latina. A marca faz parte do grupo LVMH, maior rede multimarcas de beleza do mundo.

Erika Jereissati

Vice-presidente de Mix e Varejo do Grupo Iguatemi

À frente do mix extremamente bem-sucedido de lojas do grupo Iguatemi está Erika Jereissati, vice-presidente de Mix e Varejo do Grupo, do qual o irmão Carlos Jereissati é o presidente. Nessa curadoria de marcas estão grandes nomes do mercado global, como Cartier, Hermès e Saint Laurent, além de jovens marcas de relevância do mercado brasileiro, como À La Garçonne, A. Niemeyer e Egrey. Sua curadoria sensível e estratégica, ajuda a reunir mensalmente só no Iguatemi São Paulo cerca de 1,1 milhão de pessoas em torno das mais de 300 lojas, 50 delas de marcas de luxo internacional.

Erika Jereissati é vice-presidente de Mix e Varejo do Grupo Iguatemi

Gisele Bündchen

Modelo e ativista

Uma das modelos mais importantes e bem pagas de todos os tempos, Gisele Bündchen (@gisele) continua a fazer história em seus mais de 20 anos de carreira. Aposentada das passarelas desde 2015, ela segue fotografando campanhas de moda e filmando para publicidade, ganhou uma publicação retrospectiva de seus 20 anos editada pela Taschen, e em breve lançará um livro de memórias e autoajuda. Gisele continua a estrelar campanhas e capas de revista (já são mais de 500, consagrando a gaúcha como a terceira personalidade feminina da história a estampar mais capas, atrás apenas de Princesa Diana e Britney Spears). Com uma fortuna avaliada em 150 milhões de dólares, em 2013,  ela foi considerada pela Forbes, uma das 100 mulheres mais poderosas do mundo.

Hoje, Gisele se dedica também ao ativismo social, em especial às causas ambientais, fazendo doações para projetos de proteção à Floresta Amazônica e para o “Energia Sustentável para Todos”, da Organização das Nações Unidas (ONU).

https://www.instagram.com/p/BebZhKclRkJ/?taken-by=gisele

Natalie Klein

Fundadora da NK Store

A mulher à frente da multimarcas de luxo paulistana mais prestigiada, Natalie Klein (@natalie_klein_duek) fundou a loja que leva suas iniciais, a NK Store, quando tinha apenas 20 anos. Hoje, 21 anos depois, a NK segue com uma seleção apurada de peças para uma clientela em busca de um luxo menos ostensivo. Entre os produtos comercializados ali, os de Balmain, Chloé, Givenchy, Proenza Schouler e Stella McCartney.

Natalie Klein é fundadora da multimarcas de luxo NK Store

Gostou? E você, quem são as mulheres que você admira do nosso setor? Conta pra gente!

 

No Comments
Leave a Comment: